back index CÂMARA MUNICIPAL
CURITIBA

Curitiba, 17 de dezembro de 2018
 
Sim Não
controle de spam, digite o código no campo acima
Email Versão para impressão

Data: 08/10/2018 - 13:11:20

Plenário comenta resultado nas urnas;
Goura é eleito deputado estadual

  • “Quero reafirmar nosso compromisso, para ser na Assembleia Legislativa uma voz da Câmara Municipal”, disse Goura, eleito com 37.366 votos. (Foto: Chico Camargo/CMC)
  • O arquiteto e urbanista Jonny Stica é o primeiro-suplente de Goura, que em 2019 assumirá o mandato na Assembleia Legislativa. (Foto: Chico Camargo/CMC)
  • “A palavra hoje é gratidão. Pelos mais de 31 mil votos que fizemos no estado do Paraná e a quem acreditou em nosso projeto [à Alep]”, disse Pier Petruzziello, o segundo mais votado. (Foto: Chico Camargo/CMC)
As eleições de domingo (7) foram mote de todos os pronunciamentos realizados durante o pequeno expediente, o grande expediente e o horário das lideranças da sessão desta segunda-feira (8) da Câmara Municipal de Curitiba (CMC). Único eleito entre os 19 vereadores que disputavam cargos no pleito de 2018  - 16 deles à Assembleia Legislativa do Estado do Paraná (Alep), 2 à Câmara Federal e 1 como suplente ao Senado -, Goura (PDT) discursou nas explicações pessoais. Ele agradeceu os 37.366 votos, parabenizou os que “se candidataram e deram a cara à política” e afirmou que o mandato no Legislativo da capital, assumido em janeiro do ano passado, tem sido um “grande aprendizado”.
 
 
O primeiro-suplente da coligação PDT-PRB é o ex-vereador Jonny Stica (PDT), que em 2016 recebeu 5.396 votos. Arquiteto e urbanista, ele foi eleito à Câmara de Curitiba nas duas legislaturas anteriores: 2009-2012 e 2013-2016. Nas eleições de 2014, 18 dos 38 vereadores eram candidatos a outros cargos (14 à Alep e 4 à Câmara Federal), mas nenhum se elegeu. Em 2010, foram eleitos Mara Lima (PSC, na época filiada ao PSDB) e Roberto Aciolli (PV) - saiba mais sobre pleitos anteriores.

“Quero reafirmar nosso compromisso para ser na Assembleia Legislativa uma voz da Câmara Municipal”, apontou Goura. No discurso de agradecimento, ele afirmou que manterá suas frentes de atuação: “Pautas ambientais, urbanísticas, de direitos humanos e também a possibilidade da gente pensar uma nova maneira de atuarmos na política”. Também avaliou que houve o “fechamento de ciclo de alguns nomes da política e abertura de outros”. Como desafios do novo mandato, citou a luta pela preservação da Escarpa Devoniana, contra o uso de agrotóxicos e pelo “olhar metropolitano” a temas como o transporte coletivo e o descarte de resíduos. “[Até o final de 2018] teremos a Lei de Zoneamento, este importante projeto que tem que ser discutido”, concluiu.

“A palavra hoje é gratidão. Pelos mais de 31 mil votos [31.158] que fizemos no estado do Paraná e a quem acreditou em nosso projeto [à Alep]. Projeto que tem as políticas públicas pelas pessoas com deficiência, a quebra de preconceitos, a acessibilidade. A política humana, a política das pessoas”, declarou Pier Petruzziello (PTB), o segundo vereador mais votado. “Uma campanha em que não tivemos fundo partidário, grandes ajudas, mas tivemos o apoio da população. De pessoas de Curitiba, da região metropolitana e do interior do Paraná. Não enganamos ninguém. Não precisei contar mentira alguma para ganhar voto.” O líder do prefeito na CMC ainda desejou a Goura uma “bela legislatura na Assembleia” e parabenizou os demais candidatos.

Líder da oposição, da qual Goura faz parte, Noemia Rocha (MDB) o parabenizou. Sobre sua candidatura à Alep, na qual fez 10.442 votos, a vereadora avaliou que “você não tem como ganhar uma campanha sem entrar no jogo [disputa]”. Ela ainda registrou que o deputado estadual recordista de votos na história do Paraná (427.742 votos), Fernando Francischini (PSL), é de sua igreja, a Assembleia de Deus. “Que [Goura] possa fazer um trabalho profícuo na Assembleia Legislativa”, declarou o presidente da CMC, Serginho do Posto (PSDB). Para ele, que parabenizou os demais candidatos, a eleição enaltece os quadros do Legislativo de Curitiba.

“Para mim foi um tempo de muito aprendizado. Todo voto não é fácil de conquistar. Quero agradecer a todas as pessoas que estiveram envolvidas comigo”, comentou Ezequias Barros (PRP), que recebeu 12.714 votos. “Que seja muito abençoado nesta nova caminhada”, desejou a Goura. “Parabéns a todos os que colocaram seus nomes para esta disputa e fizeram a democracia acontecer”, completou Osias Moraes (PRB). Jairo Marcelino (PSD), Professora Josete (PT), Rogério Campos (PSC) e Toninho da Farmácia (PDT) também comentaram a eleição de Goura e/ou cumprimentaram os colegas que haviam se candidatado ao pleito de 2018.


Texto:   Fernanda Foggiato
Revisão:   Claudia Krüger
 
Reprodução do texto autorizada mediante citação da Câmara Municipal de Curitiba.


Arquivos para download:
  • Fotos:

Voltar
 

Este legislativo municipal oferece através de seu site uma visão geral dos trabalhos realizados em prol da cidade de Curitiba. Acompanhe nesta ferramenta o trabalho dos vereadores, a execução do orçamento, e tenha acesso a diversas informações institucionais e de funcionamento. Nosso objetivo maior é o de dar transparência aos trabalhos aqui realizados. Lembramos que este site está em constante atualização e melhoria. Sua visita frequente é muito importante.

© 1997 - 2018 - Câmara Municipal de Curitiba - todos os direitos reservados

Câmara Municipal de Curitiba - Rua Barão do Rio Branco, 720 - Curitiba - Paraná - Brasil - CEP: 80010-902
Fone: (41) 3350-4500 - Fax: (41) 3350-4737 - Email geral:
camara@cmc.pr.gov.br

Esse site pode ser melhor visualizado nos seguintes navegadores: Firefox 29, IE 11, Chrome 35 ou versões superiores.