back index CÂMARA MUNICIPAL
CURITIBA

Curitiba, 19 de julho de 2018
 
Sim Não
controle de spam, digite o código no campo acima
Email Versão para impressão

Data: 10/04/2018 - 13:58:54

Aprovado Dia da Prevenção
da Síndrome Alcoólica Fetal

  • O plenário aprovou, com 23 votos em 1º turno, o projeto que institui o Dia da Conscientização e Prevenção da Síndrome Alcoólica Fetal. (Foto: Chico Camargo/CMC)
  • Felipe Braga Côrtes, autor da matéria, leu um relatório escrito pelo médico Rui Pilotto com dados sobre a síndrome. (Foto: Chico Camargo/CMC)
  • Noemia quis saber se há a mesma preocupação no que diz respeito ao uso de drogas durante a gestação.(Foto: Chico Camargo/CMC)
  • Para Julieta Reis, a medida vai ajudar na divulgação de informações sobre os malefícios do álcool durante o período gestativo. (Foto: Chico Camargo/CMC)
  • Maria Manfron parabenizou Braga Côrtes pela iniciativa. (Foto: Chico Camargo/CMC)
  • Dr. Wolmir reforçou os perigos do álcool durante a gravidez. (Foto: Chico Camargo/CMC)

Foi aprovado com 23 votos, em 1º turno, o projeto de Felipe Braga Côrtes (PSD) que institui no Calendário Oficial de Eventos do Município de Curitiba o "Dia da Conscientização e Prevenção da Síndrome Alcoólica Fetal (005.00294.2017). A matéria autoriza o Poder Executivo a firmar convênios e parcerias com entidades sem fins lucrativos e instituições que tratam do tema para a realização de eventos, campanhas e atividades de conscientização e prevenção ao consumo de álcool antes e durante a gravidez, para evitar o nascimento de crianças com a síndrome alcoólica fetal. O autor acenou com a possibilidade da realização de uma audiência pública sobre o tema.

A síndrome consiste no conjunto de sinais e sintomas apresentados pelo feto e no recém-nascido, em decorrência do consumo de álcool pela futura mãe, no período pré concepcional [ao menos três meses antes da gravidez] e durante o período gestacional. Braga Côrtes destacou a presença do médico geneticista Rui Pilotto, da Universidade Federal do Paraná. O vereador leu um documento produzido pelo médico com dados sobre a síndrome.

Conforme a explanação, o álcool provoca alterações hemodinâmicas na gestante que comprometem o fluxo sanguíneo placentário, além de circular livremente por todos os compartimentos líquidos do corpo. O líquido amniótico fica impregnado de álcool, o que é extremamente prejudicial ao feto, haja vista que ele possui metabolismo e processo de desintoxicação mais lentos do que um indivíduo adulto.

De acordo com Pilotto, “o álcool age de diversas maneiras, dependendo do tipo de célula cerebral e do estágio de desenvolvimento”, sendo que o órgão mais atingido é o cérebro. Em 1973, foi identificado e definido um fenótipo específico nas crianças nascidas de mulheres etilistas denominado “síndrome alcoólica fetal” (SAF ou FAS, “fetal alcohol syndrome”). Trata-se de uma condição irreversível caracterizada por anomalias craniofaciais típicas, deficiência de crescimento intra e extrauterino, disfunções do sistema nervoso central, alterações comportamentais, atraso no desenvolvimento neuropsicomotor e deficiência intelectual. Posteriormente foi proposto o termo “desordens do espectro alcoólico fetal” (FASD, “fetal alcohol spectrum disorders”). Esse fenótipo se refere a crianças que foram expostas ao álcool mas que não possuem quadro clínico completo de SAF.

Debate
Noemia Rocha (PMDB) parabenizou Braga Côrtes e o médico Rui Pilotto. Ela perguntou se há a mesma preocupação em relação ao uso de drogas por parte de gestantes. A vereadora acha a inciativa válida até para que os vereadores possam encaminhar emendas parlamentares no sentido de fomentar a data. “A criação do dia servirá para elucidar e informar todas as grávidas quanto aos perigos da ingestão de álcool durante a gestação”, disse Julieta Reis (DEM). Maria Manfron (PP) parabenizou Braga Côrtes pela iniciativa e Dr. Wolmir (PSC) reforçou a necessidade de informar às gestantes sobre os perigos do álcool durante a gestação.



Texto:   João Cândido Martins
Revisão:   Michelle Stival da Rocha
 
Reprodução do texto autorizada mediante citação da Câmara Municipal de Curitiba.


Arquivos para download:
Voltar
 

Este legislativo municipal oferece através de seu site uma visão geral dos trabalhos realizados em prol da cidade de Curitiba. Acompanhe nesta ferramenta o trabalho dos vereadores, a execução do orçamento, e tenha acesso a diversas informações institucionais e de funcionamento. Nosso objetivo maior é o de dar transparência aos trabalhos aqui realizados. Lembramos que este site está em constante atualização e melhoria. Sua visita frequente é muito importante.

© 1997 - 2018 - Câmara Municipal de Curitiba - todos os direitos reservados

Câmara Municipal de Curitiba - Rua Barão do Rio Branco, 720 - Curitiba - Paraná - Brasil - CEP: 80010-902
Fone: (41) 3350-4500 - Fax: (41) 3350-4737 - Email geral:
camara@cmc.pr.gov.br

Esse site pode ser melhor visualizado nos seguintes navegadores: Firefox 29, IE 11, Chrome 35 ou versões superiores.