back index CÂMARA MUNICIPAL
CURITIBA

Curitiba, 23 de agosto de 2017
 
Sim Não
controle de spam, digite o código no campo acima
Email Versão para impressão

Data: 16/03/2017 - 10:33:26

Notas da sessão plenária
de 15 de março – 1ª edição

  • Oscalino do Povo quer informações do Executivo a respeito das obras de contenção e drenagem do rio Pinheirinho. (Foto: Chico Camargo/CMC)
  • Maria Leticia Fagundes leu nota de repúdio ao projeto de lei que pretende reduzir limites da Área de Proteção Ambiental (APA) da Escarpa Devoniana no Paraná. (Foto: Chico Camargo/CMC)
  • João de Paula Miranda, do Rotaract Curitiba, esteve na Câmara para falar dos 49 da organização. (Foto: Chico Camargo/CMC)
Obras
O vereador Oscalino do Povo (PTN) subiu à tribuna, durante o pequeno expediente da sessão de quarta-feira (15), para defender seu pedido de informações ao Executivo a respeito das obras de contenção e drenagem do rio Pinheirinho, especialmente no trecho da avenida Henry Ford (062.00130.2017). “Hoje muitos comerciantes estão com dificuldades porque não têm como passar de um lado para outro, há pontes trincadas” reclamou. Ele pede informações sobre os objetivos da empreitada, os custos e o prazo para entrega da obra. (Foto 1)

Proteção Ambiental I
Durante o pequeno expediente, Maria Leticia Fagundes (PV) leu nota de repúdio à tramitação do projeto de lei 527/2016 na Assembleia Legislativa do Paraná, que reduzir em 68% os limites da Área de Proteção Ambiental (APA) da Escarpa Devoniana, localizada na região dos Campos Gerais.

Proteção Ambiental II
“A proposta, além de ferir os princípios constitucionais em relação ao meio ambiente equilibrado, representa um enorme retrocesso ao reduzir em 22% toda área de proteção ambiental legalizada em território paranaense e se baseando exclusivamente em um estudo da Fundação ABC, que não representa motivos razoáveis para sustentar a pretensa retificação”, argumentou Maria Leticia. (Foto 2)

Rotaract Curitiba
Recebido pela vereadora Julieta Reis (DEM), João de Paula Miranda, do Rotaract Curitiba, esteve na Câmara de Curitiba para falar da entidade que “há 49 anos percebeu o potencial que o jovem tem de fazer algo bom pela sociedade”. A organização está presente em 177 países, com mais de 80 mil clubes, sendo que em Curitiba são 25 rotaracts. “São jovens de 18 a 30 anos que trabalham para que a sociedade seja mais justa e para que a juventude seja protagonista de coisas positivas”, salientou. (Foto 3).

HPV I
O plenário acatou sugestão ao Executivo, protocolada por Oscalino do Povo (PTN), para que pacientes com prescrição médica recebam a vacina contra o HPV. O vereador inclui pessoas que tenham atestado de urgência ou risco de integridade física caso não haja imunização, como grupos de risco, como dependentes químicos (201.00065.2017). “A vacinação é uma forma de prevenção a doenças mais graves e desta forma não seria necessário que se passasse por tratamentos longos e de custo elevados”, argumentou.

HPV II
A vereadora Maria Leticia usou a tribuna para reforçar o requerimento de Oscalino do Povo. Segundo a parlamentar, o vírus HPV é uma das causas do câncer do colo de útero, câncer de pênis e de laringe. “Temos no Brasil 16 mil novos casos de câncer de colo de útero ao ano, o segundo tipo que mais mata mulheres. Essas sugestão de estender e ampliar a faixa etária da aplicação da vacina é extremamente necessária”, frisou.

Radar
Foi adiada a votação, por três sessões, o requerimento do vereador Sabino Picolo (DEM) que sugere à prefeitura para que retire ou aumente a velocidade do radar localizado na rua General Mário Tourinho, próximo à ponte do rio Barigui (201.00066.2017). Segundo o documento, em horários de pico, a desaceleração dos veículos “está represando o fluxo de veículos, causando congestionamentos e transtornos aos motoristas que trafegam pelo local”.

Adiamento
A pedido dos autores, foram adiadas as votações de dois outros requerimentos. O primeiro deles, de Bruno Pessuti (PSD), por duas sessões, referia-se a uma moção de apoio e solidariedade ao manifesto contra as novas regras de conteúdo local para a indústria de petróleo e gás (059.00004.2017). O outro, de Cacá Pereira (PSDC), adiado por uma sessão, pede ao plenário o desarquivamento de projeto de lei, de sua autoria, que dispõe sobre cobrança de estacionamento de veículos em shoppings centers (069.00002.2017).

Asfalto no Tatuquara
Toninho da Farmácia (PDT) encaminhou ao Executivo Municipal seis sugestões de inclusão na LOA 2018. O vereador pede a implantação de asfalto nas ruas Stella Camargo Arzua (201.00057.2017), Cleotilde Hachenberg Monastier (201.00058.2017), Deputado Piragibe de Araújo (201.00059.2017), Ubirajara Ferreira da Silva (201.00060.2017), Maria Soares de Assunção Coutinho (201.00061.2017) e Jornalista Oliver Rauchbach (201.00062.2017), todas dentro da Vila Guatambu, no bairro Tatuquara.
 
Colaborou Luiz Kozak. 


Texto:   Claudia Krüger
Revisão:   José Lazaro Jr.
 
Reprodução do texto autorizada mediante citação da Câmara Municipal de Curitiba.


Arquivos para download:
  • Fotos:
Voltar
 

Este legislativo municipal oferece através de seu site uma visão geral dos trabalhos realizados em prol da cidade de Curitiba. Acompanhe nesta ferramenta o trabalho dos vereadores, a execução do orçamento, e tenha acesso a diversas informações institucionais e de funcionamento. Nosso objetivo maior é o de dar transparência aos trabalhos aqui realizados. Lembramos que este site está em constante atualização e melhoria. Sua visita frequente é muito importante.

© 1997 - 2017 - Câmara Municipal de Curitiba - todos os direitos reservados

Câmara Municipal de Curitiba - Rua Barão do Rio Branco, 720 - Curitiba - Paraná - Brasil - CEP: 80010-902
Fone: (41) 3350-4500 - Fax: (41) 3350-4737 - Email geral:
camara@cmc.pr.gov.br

Esse site pode ser melhor visualizado nos seguintes navegadores: Firefox 29, IE 11, Chrome 35 ou versões superiores.