back index CÂMARA MUNICIPAL
CURITIBA

Curitiba, 24 de maio de 2017
 
Sim Não
controle de spam, digite o código no campo acima
Email Versão para impressão

Data: 20/10/2016 - 14:41:20

3 eleições em 1: da inscrição de
entidades à escolha do ouvidor

  • Terceira etapa da eleição do ouvidor de Curitiba em março de 2015, em plenário. (Foto: Chico Camargo/CMC)
O processo da escolha do ouvidor de Curitiba é realizado a cada dois anos, no segundo e no último ano de cada legislatura, e é dividido em três etapas: formação da comissão eleitoral, definição da lista tríplice e votação dessa lista em plenário.

Etapa 1
A comissão eleitoral é formada por três vereadores, indicados pelo presidente da Câmara; três secretários municipais, designados pelo prefeito; e três representantes da sociedade civil organizada, votados pelas entidades inscritas.

Podem participar do processo, após a publicação do edital de chamamento, entidades que comprovarem capacidade técnica e jurídica, bem como atuação coletiva há mais de dois anos em favor da sociedade curitibana (saiba mais).

Na reunião, deve comparecer apenas o representante inscrito da entidade. A votação é aberta, e cada candidato precisa escolher três nomes da lista, podendo votar em si mesmo. Os três mais votados irão representar a sociedade civil organizada na comissão eleitoral. Se houver empate, há uma votação específica para aquela vaga.

Etapa 2
Com a definição dos nove integrantes da comissão eleitoral, segue-se à definição da lista da lista tríplice – ou seja, dos três candidatos a ouvidor de Curitiba que serão sabatinados em plenário.

Todos os inscritos têm a oportunidade de se manifestar perante a comissão, por dez minutos, e de expor a comprovação dos requisitos ao cargo - notório conhecimento de administração pública, idoneidade moral e reputação ilibada. Depois, em votação aberta, os membros da comissão eleitoral escolhem, cada um, três candidatos. Os três mais votados compõe a lista tríplice.

Etapa 3
Os candidatos da lista tríplice falam em plenário, por 20 minutos, com a ordem definida por sorteio, e respondem a perguntas dos vereadores. Os questionamentos são restritos à idoneidade e, em especial, aos conhecimentos de administração pública e sua experiência na área.

A eleição é feita por voto aberto, no painel eletrônico. O ouvidor precisa ser eleito pela maioria absoluta dos vereadores. Ou seja, por pelo menos 20 votos. O processo é refeito até que se chegue a esse quorum.


Texto:   Fernanda Foggiato
Revisão:   Filipi Oliveira
 
Reprodução do texto autorizada mediante citação da Câmara Municipal de Curitiba.


Arquivos para download:
  • Fotos:
Voltar
 

Este legislativo municipal oferece através de seu site uma visão geral dos trabalhos realizados em prol da cidade de Curitiba. Acompanhe nesta ferramenta o trabalho dos vereadores, a execução do orçamento, e tenha acesso a diversas informações institucionais e de funcionamento. Nosso objetivo maior é o de dar transparência aos trabalhos aqui realizados. Lembramos que este site está em constante atualização e melhoria. Sua visita frequente é muito importante.

© 1997 - 2017 - Câmara Municipal de Curitiba - todos os direitos reservados

Câmara Municipal de Curitiba - Rua Barão do Rio Branco, 720 - Curitiba - Paraná - Brasil - CEP: 80010-902
Fone: (41) 3350-4500 - Fax: (41) 3350-4737 - Email geral:
camara@cmc.pr.gov.br

Esse site pode ser melhor visualizado nos seguintes navegadores: Firefox 29, IE 11, Chrome 35 ou versões superiores.